Arte de Anfitriar

e Colher Resultados que Importam

Comunidades

Assim como a liderança participativa está se tornando um tópico de interesse no trabalho, as conversas sobre cidadania também estão emergindo novamente. Como podemos apoiar pessoas com ampla diversidade de experiências e opiniões para que trabalhem bem coletivamente no apoio a suas comunidades? Como podemos colaborar para que todas as vozes sejam ouvidas e todas as pessoas possam contribuir?

A prática da Arte de Anfitriar está sendo utilizada em uma ampla variedade de grupos comunitários e organizações, bem como em uma ampla variedade de espaços públicos, incluindo o apoio às conversas sobre a paz na Costa do Marfim, a investigação de novas formas de vida e de trabalho na Grécia, a introdução de ação inteligente nos pedidos de transformação pública na Eslovênia e no Egito e também em vários outros lugares ao redor do mundo.

A Arte de Anfitriar como prática comunitária

  • Vila Kufunda no Zimbábue é uma vila de aprendizagem rural auto-organizativa, que usa o padrão da Arte de Anfitriar como fundamento. Kufunda significa aprender na língua Shona. Ouça Marianne Knuth, a fundadora, falando a respeito no vídeo abaixo.

Anfitriando a colaboração por meio de conversas e investigação em comunidades locais

Artigo sobre como o AoH está sendo usado para unir uma grande comunidade, uma cidade inteira – Leeds. Escrito por Linda Joy Mitchell, um artigo sobre esse trabalho foi publicado no Boletim da Associação Internacional de Facilitadores.

Artigo: Anfitriando colaboração (Leeds, GB)